quarta-feira, 3 de outubro de 2012


 Liderança Bíblica
 Discípulo-Líder

Por: Átila Calumby

Muito se tem falado sobre liderança. Congressos e mais congressos tratam do referido tema de maneira sistemática, e geralmente, grandes mestres de AUTO-AJUDA tem se levantado como verdadeiros “Profetas” a ensinar o povo.

Isso é evidente quando vamos a qualquer livraria ou analisamos no jornal a lista dos livros mais vendidos dos últimos tempos. Sempre entres os best sellers existem os que tratam desse tema. Parece que no mundo as relações Patrão-Funcionário não andam tão bem. Mas e na Igreja, como deve ser? Como deve ser um líder na Igreja?

Ao Cristão às Escrituras!

Pois é, apesar de muita literatura mundana, a verdade é que são nas Escrituras, a única fonte da verdade e do saber, que encontraremos o papel e os atributos de um verdadeiro líder do evangelho. Afinal todo cristão é um servo e também um líder, um discípulo e necessariamente um discipulador. Você já se questionou sobre isso? Qual o seu papel como discípulo de Cristo?

Vamos trabalhar vários textos essa noite e tentar extrair o máximo de ensino de cada um, já que o tempo é curto, e o máximo que aprendermos aqui, será de grande utilidade.

TEXTO: (Mateus 28:18-20)
Então, Jesus aproximou-se deles e disse: "Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra. Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos".

Pronto! Se você queria um bom motivo pra ser um líder, você acabou de arrumar. Jesus, o Deus encarnado, DETERMINOU o IDE! Vão e façam discípulos. Todo Cristão é responsável por isso, e deve trabalhar em prol do Reino de acordo com o que Deus lhe capacitou. Todo Cristão em algum momento deve exercer liderança. Não há desculpa!

O simples fato de você ser um Cristão já lhe compete ser Líder, pois o ser Cristão já implica em grandes responsabilidades que só um Discípulo de Cristo pode ter.

Por exemplo: (Mateus 5:13-16)

Vocês são o sal da terra. Mas se o sal perder o seu sabor, como restaurá-lo? Não servirá para nada, exceto para ser jogado fora e pisado pelos homens. "Vocês são a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade construída sobre um monte. E, também, ninguém acende uma candeia e a coloca debaixo de uma vasilha. Pelo contrário, coloca-a no lugar apropriado, e assim ilumina a todos os que estão na casa. Assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus".

Esse texto está no famoso sermão do monte onde Cristo está ensinado os princípios da Lei aos seus discípulos, e uma coisa chama a atenção. Ele faz um chamado à prática Cristã. Ele diz em outras palavras: Vocês tem que ser exemplos no mundo, ou seja, levar o tempero do Evangelho a toda Criatura e não só isso, mas viver para que as pessoas vejam o sabor em vocês mesmos. Vocês devem iluminar o mundo, com a luz que vem de Cristo, através do seu evangelho, e isso não é somente com palavras mas com vida, vocês devem ser como uma cidade sobre o monte, que na escuridão, os viajantes possam ver a luz que emana dela para seguirem o seu caminho.

Viver o Evangelho é papel de Líder, por que pessoas chegarão até vocês para saber de Deus e vocês precisam ser aptos a encaminha-los, ensinando-os a guardar tudo aquilo que ele (JESUS) ensinou. Não pensem que isso é responsabilidade do Pastor, ou da Denominação, NÃO! Essa responsabilidade é dos discípulos. É minha, É sua!

O Discípulo-Líder deve também levar as boas novas com palavras:

TEXTO: (1 Coríntios 1:21)

Visto que, na sabedoria de Deus, o mundo não o conheceu por meio da sabedoria humana, agradou a Deus salvar aqueles que creem por meio da loucura da pregação.

Ou seja, a Pregação foi o meio que Deus escolheu para que as pessoas possam crer, e assim serem salvas.

Essa palavra Pregação no grego é kérugma, que significa proclamar, pregar, é algo inerente ao cumprimento da Grande Comissão. No entanto, isso não implica que essa proclamação deva ser somente nos púlpitos, obrigando o cristão a jogar a responsabilidade nas costas do Pastor. Para compreendermos melhor o tema vamos analisar a passagem de Atos 17:17 (De sorte que disputava na sinagoga com os judeus e religiosos, e todos os dias na praça com os que se apresentavam) esse texto mostra a diária “disputa” que o Apóstolo Paulo tinha na praça em Atenas. Essa palavra “disputava” no Grego é dialegomai que significa conversar, de onde vem também a palavra diálogo. Paulo não somente pregava nas praças públicas e sinagogas, mas conversava diariamente com as pessoas da cidade levando as boas novas do evangelho a qualquer um, vejam que essa é uma ótima maneira de compartilhar as verdades do Evangelho. Conversando com seus amigos, parentes e vizinhos assumindo assim a responsabilidade missionaria que nos compete.
O Discípulo-Líder deve ser SERVO e Humilde acima de tudo.

TEXTO: (João 13:3-5) e (João 13:12-15)
Jesus sabia que o Pai havia colocado todas as coisas debaixo do seu poder, e que viera de Deus e estava voltando para Deus; assim, levantou-se da mesa, tirou sua capa e colocou uma toalha em volta da cintura. Depois disso, derramou água numa bacia e começou a lavar os pés dos seus discípulos, enxugando-os com a toalha que estava em sua cintura. Quando terminou de lavar-lhes os pés, Jesus tornou a vestir sua capa e voltou ao seu lugar. Então lhes perguntou: "Vocês entendem o que lhes fiz? Vocês me chamam ‘Mestre’ e ‘Senhor’, e com razão, pois eu o sou. Pois bem, se eu, sendo Senhor e Mestre de vocês, lavei-lhes os pés, vocês também devem lavar os pés uns dos outros. Eu lhes dei o exemplo, para que vocês façam como lhes fiz.

TEXTO: (Mateus 20:25-28)

Jesus os chamou e disse: "Vocês sabem que os governantes das nações as dominam, e as pessoas importantes exercem poder sobre elas. Não será assim entre vocês. Pelo contrário, quem quiser tornar-se importante entre vocês deverá ser servo, e quem quiser ser o primeiro deverá ser escravo; como o Filho do homem, que não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate por muitos".
Todo Líder deve SERVIR.

O Principio da Liderança está na PRAXIS, ou seja, na PRATICA. Na Vida! Uma pessoa que se diz Líder, mas que não serve os outros está se auto enganando. É um luz apagada, é um tempero sem sabor.

A humildade entre irmãos é um grande virtude. Não se ache melhor do que ninguém! Jesus ensinou os discípulos a se tratarem como iguais. Veja que o Deus todo poderoso que ali estava presente, lavou os pés de seus discípulos, para ensiná-los essas coisas. E Nós temos “lavados” os pés de nossos irmãos? Ou seja, temos servido a todos com humildade ou deixado a soberba e arrogância e até mesmo o egoísmo nos dominar?

Para finalizar gostaria de trabalhar um último texto, porém apenas extraindo os Princípios Morais que todo Líder deve ter, mesmo não sendo um Presbítero, já que o texto fala de Presbíteros. Tenha isso como base, pois com certeza, ao observar essas características bíblicas, serás um grande Líder.

TEXTO: (1 Timóteo 3:1-7)
Esta afirmação é digna de confiança: se alguém deseja ser bispo, deseja uma nobre função. É necessário, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma só mulher, sóbrio, prudente, respeitável, hospitaleiro e apto para ensinar; não deve ser apegado ao vinho, nem violento, mas sim amável, pacífico e não apegado ao dinheiro. Ele deve governar bem sua própria família, tendo os filhos sujeitos a ele, com toda a dignidade. Pois, se alguém não sabe governar sua própria família, como poderá cuidar da igreja de Deus? Não pode ser recém-convertido, para que não se ensoberbeça e caia na mesma condenação em que caiu o diabo. Também deve ter boa reputação perante os de fora, para que não caia em descrédito nem na cilada do diabo.

Princípios e Valores que os Líderes devem ter:

- Irrepreensível (anepilémptos) - Que tem o sentido daquele que não foi reprovado (Não-Reprovado).

- Marido de uma só mulher – No sentido de Fiel, não Adúltero.

- Sóbrio (nēphalion) - No sentido de Vigilante, Equilibrado, Comedido.

- Prudente (sōphrona) – No sentido de auto-controle e domínio-próprio.

- Respeitável (kosmion) – No sentido de Ordeiro, Virtuoso, Decente.

- Hospitaleiro (philoxenon) – No sentido do que se alegra em receber bem, ama estrangeiros, estranhos.

- Apto para ensinar (didaktikos) – No sentido de saber ensinar, apto ao ensino. Essa palavra vem de didaktos, instruído, ensinado.

- Não deve ser apegado ao vinho (paroinon) – No sentido de bêbado, alcoólatra, dado ao vinho.

- Nem violento (pléktés) – No sentido de pessoa Briguenta. Pessoa Contenciosa. Que gosta de arrumar confusão.
- Mas sim amável, pacífico (epieikés e amachos) - Gentil, aquele que se abstém de brigar.
- Não apegado ao dinheiro (aphilarguron) – Que não ama o dinheiro, não avarento.

- Ele deve governar bem sua própria família, tendo os filhos sujeitos a ele, com toda a dignidade. Pois, se alguém não sabe governar sua própria família, como poderá cuidar da igreja de Deus? – Deve ter e ser a autoridade em casa.

- Não pode ser recém-convertido, para que não se ensoberbeça e caia na mesma condenação em que caiu o diabo. – Não pode ser um bebezinho na fé, que vive apenas de leite, contudo se achando o adulto! Isso para que não caia na soberba e na arrogância.

Conclusão:

Todo Cristão deve ser um modelo ao mundo. Não há isenção disso.

Todo Cristão deve exercer o seu papel de Líder que Cristo lhe conferiu.

Todo Cristão é um missionário 24horas por dia e noite. Vive e respira missão. Deve lembra-se que está aqui não para fazer a sua própria vontade, mas para cumprir a vontade daquele que o Salvou. Ele é embaixador, ou seja, representante de Cristo onde estiver. E é confiado nessa autoridade que tem a certeza da vitória.

Aprendemos aqui hoje, que o Líder deve antes de tudo ser Servo. E como Servo deve se submeter à vontade de seu Senhor. E, a vontade de Deus é que por onde quer que vocês estejam façam discípulos que façam ainda mais discípulos e assim sucessivamente.

Deve viver o evangelho ao ponto de temperar o mundo e iluminar o mundo.

Deve pregar o evangelho, para que pessoas escutem de Cristo e se arrependam de seus pecados. Deve ser Irrepreensível, Sóbrio, Fiel, Apto ao Ensino, Paciente, Não Contencioso (Briguento), Deve ser Experiente, Não deve ser Mundano, Bêbado e Afins. Deve ter bom testemunho não só dos de dentro como também dos de fora. Não deve ter soberba. Deve ter autoridade, em fim ser um Cristão!

Que Deus nos abençoe a todos...


Um comentário: